Brasileirão Série A

Quem são os maiores artilheiros do Campeonato Brasileiro?

Gabigol quebrou um importante recorde nesta edição do Brasileirão, mas ainda está longe de ser o maior matador da história

3 de Dezembro de 2019 às 12:10 por | -- comentário(s).


Jogadores históricos encabeçam listas de artilharia no Brasil (Créditos: iStock)

Depois de quebrar vários recordes coletivos nesta edição do Campeonato Brasileiro, o Flamengo também pôde comemorar que o (possível) grande destaque do clube em 2019 tenha superado uma importante marca individual na temporada. Com os dois gols marcados diante do Palmeiras, na vitória por 3 a 1, em pleno Allianz Parque, no último domingo (1), Gabriel Barbosa se tornou o jogador com mais gols em uma única edição do Brasileirão na era dos 20 times.

Desde 2006, quando a CBF adotou o atual formato de disputa do Campeonato Brasileiro, que consiste em jogos de turno e returno entre 20 equipes, nenhum jogador havia marcado mais do que 23 gols em uma mesma temporada. Até então, os recordes eram de Jonas, em 2010, com a camisa do Santos, e de Borges, no ano seguinte, pelo Grêmio. Até sábado, Gabigol tinha balançado as redes adversárias 22 vezes e com os dois que marcou diante do Palmeiras alcançou a histórica marca de 24 gols numa única edição do Brasileirão.

E a marca pode aumentar ainda mais já que faltam mais duas rodadas até o Campeonato Brasileiro se encerrar. Nos compromissos que restam, o Flamengo recebe o Avaí no Maracanã e visita o Santos na Vila Belmiro. No entanto, como o Rubro-Negro disputará o Mundial de Clubes da FIFA, no Catar, Jorge Jesus pode começar a poupar os seus titulares para prevenir lesões e preparar a equipe para o último torneio do ano.

Quem é o maior artilheiro de uma única edição dos pontos corridos?

Na história do Campeonato Brasileiro, o maior artilheiro de uma única edição da Série A do Brasileirão é Washington. Na temporada de 2004, o Coração Valente marcou 34 vezes pelo Atlético-PR que ajudaram a levar o Furacão até o vice-campeonato daquele ano (o título ficou com o Santos por uma diferença de três pontos).

O centroavante que depois foi brilhar no Fluminense e no São Paulo superou a marca de 31 gols que Dimba havia estabelecido um ano antes, o primeiro da era dos pontos corridos, com a camisa do Goiás.

Até os dias de hoje, a dupla é a única que conseguiu passar dos 30 gols em uma única edição do Brasileirão nos pontos corridos. No entanto, vale ressaltar que ambos alcançaram esse feito em uma época em que 24 times disputavam a primeira divisão. Ou seja, tiveram oito jogos a mais do que Gabigol para aumentar o número de gols na competição.

Qual é o jogador que tem mais gols na história do Campeonato Brasileiro?

Desde 2010, esse posto é de Roberto Dinamite. Isso porque foi neste ano que a CBF resolveu que todos os títulos nacionais seriam unificados. O que significa que a entidade máxima do futebol brasileiro passou a entender que a Taça de Prata e o Robertão possuem o mesmo valor do Campeonato Brasileiro. Assim, a primeira edição da competição nacional aconteceu em 1959, com o Bahia como campeão.

E Roberto Dinamite disputou todas as edições do Campeonato Brasileiro por 21 anos (de 1971 a 1992). Com incríveis 328 jogos na história da competição, o jogador revelado pelo Vasco encerrou a carreira com 190 gols, como o maior artilheiro da história da Série A do Brasileirão.

Na segunda colocação vem outro velho conhecido do torcedor vascaíno: Romário. Em 252 partidas no Brasileirão, o Baixinho, que também passou por Fluminense e Flamengo, soma 154 gols. 

Quem completa o top 3 é outro jogador com grande passagem pelo Gigante da Colina. Com 153 gols em 316 jogos, Edmundo é o terceiro jogador com mais gols na história do Brasileirão.

Quem é o maior artilheiro da era dos pontos corridos?

Desde 2015, Fred, do Cruzeiro, é o maior artilheiro do Brasileirão na era dos pontos corridos -- na época do recorde o atacante vestia a camisa do Fluminense. São 147 gols marcados em sua carreira.

Na sequência aparece Diego Souza, que recentemente marcou o seu gol de número 107, superando Paulo Baier, que se aposentou há poucos anos com 106. Alecsandro aparece em quarto lugar com 102 e fecha a lista de jogadores que já passaram de 100 tentos desde 2003 -- Wellington Paulista, do Fortaleza, possui 94 e está próximo de entrar no grupo.

Nesta lista, Gabriel Barbosa aparece somente na 21ª posição, com 66 gols, mas o jogador tem somente 23 gols e se mantiver esse ritmo não precisaria de mais do que duas edições para passar de 100 gols no Brasileirão.

Outro recorde

Com 24 gols na atual edição do Brasileirão, Gabigol é o artilheiro máximo da competição e abriu três de vantagem para Bruno Henrique, seu companheiro de ataque. Caso ele realmente termine o campeonato com esse título individual, será a segunda vez consecutiva que o jogador levará o prêmio chuteira de ouro, algo que há muito não acontece.

Em 1994 e 1995, Túlio, jogando pelo Botafogo, foi duas vezes artilheiro do Campeonato Brasileiro, com 19 e 23 gols, respectivamente. Desde então, ninguém mais conseguiu isso. Como marcou 18 tentos na temporada anterior, pelo Santos, e está com 24 nessa, Gabriel Barbosa tem tudo para igualar mais uma marca importante do futebol brasileiro.